Aqui abaixo, é possível encontrar uma lista de comandos básicos – e muito úteis – para administrar seus sites no servidor. Os comandos Unix têm opções e parâmetros não listados aqui, ao qual mostramos muito mais como funcionam na prática.

Para obter acesso a mais informações, basta digitar man [comando] no prompt. Vale lembrar que, ao escrever sob colchetes, [dessa forma], você deve digitar apenas o nome do arquivo. Não acrescente os colchetes em seu comando.

Para navegar no Unix

(diretório raiz no servidor)
./ (diretório em que você se encontra)
../ (diretório pai do que você se encontra)

pwd (mostra em qual diretório você está e dá o caminho completo)

ls (lista todos os arquivos do seu diretório atual)
ls -al (lista os arquivos e as informações)
ls -alR (lista todos os arquivos e as informações em todos os subdiretórios)
ls -alR | more (lista todos os arquivos e informações em todos os subdiretórios, com pausa)
ls -alR > resultado.txt (lista todos os arquivos e informações em todos os subdiretórios, mas as envia para um arquivo ao invés de mostrar na tela)
ls *.html (lista os arquivos que terminados em .html)
ls -al home/usr/guto/ (lista todos os arquivos e as informações de /home/usr/guto)

cd (muda para um novo diretório)
cd imagens (muda para o diretório de imagens)
cd / (muda para o diretório raiz)
cd /home/usr/imagens (muda para o diretório /home/usr/imagens)
cd .. (volta um diretório)

Para criar, mover, copiar ou apagar seus diretórios

mkdir [nomedodiretório] (cria um diretório novo)

ls -d */ (lista todos os subdiretórios dentro do atual)

cp -r [nomedodiretório] [novo nomedediretório] (copia um diretório e todos os seus arquivos/subdiretórios)

rmdir [nomedodiretório] (apaga um diretório se estiver vazio)
rm -r [nomedodiretório] (remove um diretório e todos os arquivos)

Para pesquisar seus arquivos e diretórios

find / -name [arquivo] -print (procura em todo o servidor por um arquivo específico)

find . -name [arquivo] -print (procura por um arquivo iniciando pelo diretório atual)

find / -name [nomedodiretório] -type d -print (procura em todo o servidor por um diretório específico)

locate [arquivo] (procura em todo o servidor por um arquivo específico, em um banco de dados com todos os arquivos do sistema, renovado uma vez por dia – é mais eficiente que o find)

grep [texto] [nomedoarquivo] (procura por um texto dentro de um arquivo)

sed s/[textoantigo]/[novotexto]/g [nomedoarquivo] (realiza uma varredura no arquivo e troca as ocorrências do [textoantigo] por [novotexto])

Permissões para arquivos e diretórios

Há três tipos de permissões para aplicar em seus arquivos: ler, escrever e executar. Também é possível definir permissões em níveis: como para o dono do arquivo, para o grupo de usuários e para todos.

O comando chmod seguido por três números é utilizado para mudar permissões. O primeiro é a permissão para o dono, o segundo para o grupo e o terceiro para todos.

Os níveis de permissão são representados da maneira demonstrada abaixo:

0 = sem permissão
1 = somente execução
2 = somente escrita
3 = escrita e execução
4 = somente leitura
5 = leitura e execução
6 = leitura e escrita
7 = leitura, escrita e execução

Permissões de arquivos mais utilizadas:

chmod 604 [arquivo] (permissão mínima para arquivos HTML www)
chmod 705 [nomedodiretório] (permissão mínima para diretórios www)
chmod 755 [arquivo] (permissão mínima para scripts & programas www)
chmod 606 [arquivo] (permissão para arquivos de dados usados por scripts)
chmod 703 [nomedodiretório] (permissão somente para escrita para FTP público para carregar arquivos)